Os processos seletivos do Sesc/RS obedecem as etapas eliminatórias e classificatórias, além dos critérios definidos abaixo.

1ª Etapa: Envio, Recebimento e Análise/Triagem dos currículos

+

O encaminhamento dos currículos deverá se dar, conforme anúncio da vaga, no site do Sesc/RS, através do link “Candidatar-se”. Poderá ser entregue em meio físico na Unidade Sesc/RS correspondente, caso a vaga tenha como pré-requisito escolar o ensino fundamental incompleto ou completo.

No anúncio da vaga, constará o grau de instrução básico exigido para o cargo, bem como a experiência mínima de seis meses na atividade. Para os cargos que exigem o registro no órgão competente, a experiência deverá ser considerada a contar da data de colação de grau no respectivo curso. Os candidatos que não atingirem no mínimo o pré-requisito básico, em ambos os aspectos, serão eliminados.

2ª Etapa: Aplicação de Provas de Conhecimento

+

A etapa de Provas de Conhecimento será classificatória e eliminatória. Visa avaliar o conhecimento dos candidatos nas seguintes áreas do conhecimento, de acordo com a escolaridade exigida para o cargo:

Grau de Instrução  Provas  Pontuação máxima
Ensino Fundamental Incompleto e Completo Prova de português (10 pontos), matemática (10 pontos) e conhecimentos específicos (40 pontos) 60 pontos
Ensino Médio Completo, Ensino Superior Incompleto e Completo Prova de português (10 pontos), matemática (10 pontos), conhecimentos gerais (10 pontos) e conhecimentos específicos (30 pontos) 60 pontos

Os candidatos serão classificados conforme pontuação obtida, em ordem decrescente, sendo que para participarem da próxima etapa (Avaliação de Competências Comportamentais e Técnicas), devem classificar-se, pelo menos, entre os 10 primeiros candidatos.

Critérios de desempate:
1º – Maior pontuação na prova de conhecimentos específicos;
2º – Maior pontuação na prova de português;
3º – Maior pontuação na prova de matemática;
4º – Maior pontuação na prova de conhecimentos gerais;
5º – Sorteio.

3ª Etapa: Avaliação de Competências Comportamentais

+

A etapa de Avaliação de Competências Comportamentais e Técnicas é considerada classificatória e tem como finalidade o levantamento de dados em relação às competências comportamentais e técnicas dos candidatos ao cargo. Para tal, poderão ser utilizadas diferentes técnicas de seleção (individual e/ou coletiva), conforme o cargo / número de candidatos / disponibilidade do local, com base nas 4 competências globais definidas no Programa de Gestão por Competências do Sesc/RS, que são assim conceituadas e evidenciadas:

1 – FOCO NO CLIENTE: atendimento das necessidades dos clientes e comunidade através de ações de valor diferenciado na promoção do bem estar social.

Evidência: Demonstra ter capacidade para entender as necessidades e atender as expectativas dos clientes externos/internos.

2 – REALIZAÇÃO: entrega efetiva dos serviços e processos, assegurando os resultados da Instituição.

Evidência: Demonstra ser organizado, interessado, focado para metas e na busca resultados dentro da atividade proposta.

3 – ATUAÇÃO COLABORATIVA: atitude de colaboração para promover a sinergia entre áreas e unidades, considerando as dimensões técnica, econômica, social e ambiental para a excelência do Sistema.

Evidência: Compreende a importância do trabalho em equipe, mostrando-se disponível para interagir e apoiar quando necessário.

4 – EFICÁCIA INTERPESSOAL: maturidade e equilíbrio nas relações, promovendo confiança e harmonia no ambiente profissional.

Evidência: Demonstra capacidade para construir bons relacionamentos, com postura  respeitosa e coerente.

A pontuação terá variação entre 1 a 5 pontos para cada uma das competências avaliadas, totalizando 20 (vinte) pontos.

Obs: Quanto menos consistente for a evidência da competência investigada, apresentada em sua área de atuação, a pontuação total será mais próxima do 0 (zero) e quanto mais consistente for, mais próxima de 20 (vinte) pontos.

Para a avaliação da Competência Técnica, especificamente, os candidatos serão avaliados individual e/ou coletivamente, através de entrevista e/ou dinâmica de grupo e/ou prova prática, com questões baseadas nas funções relativas ao cargo, de acordo com a descrição no Plano de Cargos e Salários.

Nesta etapa o candidato terá pontuação máxima de 40 pontos, conforme abaixo:

Grau de Instrução  Critérios Avaliativos  Pontuação máxima

Ensino Fundamental Incompleto e Completo, Ensino Médio Completo, Ensino Superior Incompleto e Completo

Competências Comportamentais 20 pontos
Competências Técnicas 20 pontos

Obs.: Quanto menos consistente for a competência técnica apresentada em sua área de atuação, a pontuação total será mais próxima do 0 (zero) e quanto mais consistente for, mais próxima de 20 (vinte) pontos.

Os candidatos serão classificados conforme pontuação obtida, em ordem decrescente, num total máximo de 100 (cem) pontos. Após esta etapa final de avaliação, o primeiro colocado será chamado para ocupar o cargo. Os demais candidatos formarão um cadastro, cuja admissão está condicionada à liberação e/ou criação de futuras vagas em igual cargo e cidade.

Critérios de desempate:
1º – Maior pontuação na Etapa Avaliação de Competências Técnicas
2º – Maior pontuação na Etapa Avaliação de Competências Comportamentais
3º – Sorteio

Tabelas de Pontuação Final

+
Etapa Pontuação
2ª Etapa: Aplicação de Provas de Conhecimento 0 a 60 pontos  
3ª Etapa: Avaliação de Competências Comportamentais e Técnicas 0 a 20 pontos  
Grau de Instrução Pontuação mínima para aprovação  
Ensino Fundamental Incompleto e Completo 50 pontos  
Ensino Médio Completo e Ensino Superior Incompleto e Completo 70 pontos

Os candidatos que não obtiverem a pontuação final mínima, obedecendo à tabela acima no total de pontos, serão considerados desclassificados do Processo Seletivo.

Validade do Processo

+

O Processo Seletivo obedecerá à ordem de classificação e terá validade de 90 dias, a contar da data de realização do processo seletivo, podendo vir a ser prorrogado uma única vez, por igual período, sempre que houver candidatos aprovados em reserva.

Quando houver a abertura de mesma vaga para o mesmo município, porém para Unidades Sesc/RS diferentes, poderá ser aberto mais de um processo seletivo, visando melhor atender a necessidade particular de perfil de cada Unidade.

Resultado do Processo Seletivo

+

O candidato aprovado será aquele que obtiver a maior pontuação entre todos os participantes finais da seleção.

O retorno será dado via telefone, SMS ou e-mail ao candidato aprovado, após a data de conclusão do processo seletivo. Os resultados finais permanecerão divulgados no site pelo período de validade do processo seletivo.

A contratação está sujeita à entrega de todos os documentos exigidos para o preenchimento da vaga e comprovação dos requisitos necessários à admissão, bem como, da assinatura do Contrato de Trabalho.

A admissão será feita pela Gerência de Recursos Humanos, de acordo com a classificação, desde que o candidato apresente toda a documentação necessária e seja considerado apto no exame médico admissional.

Os candidatos que ao final do processo seletivo, não comprovarem os pré-requisitos exigidos serão desclassificados. A comprovação de experiência deverá ocorrer por meio de Carteira de Trabalho e Previdência Social – CTPS, ou contrato de trabalho/estágio e/ou declaração emitida pelo empregador, onde constem sua Razão Social e CNPJ. A comprovação de escolaridade ocorrerá mediante apresentação de diplomas e/ou certificados de conclusão de cursos reconhecidos pelo MEC.

A experiência de 6 meses na atividade deverá ser comprovada conforme LEI 11.644, de 10 de março de 2008. Para os cargos que exigem o registro no órgão competente, a experiência deverá ser comprovada a contar da data de colação de grau no respectivo curso.

Para fins de Registro, será preenchido o Formulário de Registro de Seleção, que acompanhará o candidato até o final do Processo Seletivo e constará nos documentos de admissão, juntamente com o Currículo e a Planilha de Classificação Geral.

O arquivamento do Processo Seletivo incluirá: Planilha de Classificação Geral, cópia da Requisição de Pessoal, Provas de Conhecimento e/ou Técnica aplicadas e Currículos dos candidatos – exceto dos três primeiros colocados ou mais, quando houver mais de três admissões para o mesmo processo. Os registros permanecerão arquivados pelo prazo de 01 (um) ano.

O Sesc/RS poderá cancelar o processo seletivo, em qualquer fase que se encontre, sem que isso gere qualquer obrigação com os candidatos participantes.

A aprovação no processo seletivo não gera compromisso de contratação por parte do Sesc/RS.

Das condições para participar do processo seletivo

+

a) Não poderão ser admitidos no Sesc/RS, parentes até o terceiro grau civil (afim ou consanguíneo) do Presidente, ou dos membros, efetivos e suplentes, do Conselho Nacional e do Conselho Fiscal ou dos Conselhos Regionais do Sesc ou do Senac, bem como de dirigentes de entidades sindicais ou civis do comércio, patronais ou de empregados. A proibição é extensiva, nas mesmas condições, aos parentes de empregados dos órgãos do Sesc ou do Senac. (Capítulo X, art. 44 do Regulamento do Sesc, aprovado pelo Decreto 61.836/67).

b) O candidato que mesmo conhecendo as condições previstas no subitem (a) venha participar do presente processo seletivo, será excluído do mesmo, assim que a condição de parentesco seja verificada, independente da etapa em que o processo seletivo se encontrar.

c) O candidato que ocupar cargo, emprego ou função pública deverá apresentar, para fins de admissão no Sesc/RS, autorização prévia do titular do respectivo ministério ou autoridade correspondente (art. 41, § 2º do Regulamento do Sesc, aprovado pelo Decreto 61.836/67).

d) Na hipótese prevista no subitem 5.3.3, o candidato deverá, ainda, demonstrar a compatibilidade entre carga horária de trabalho a ser assumida no Sesc/RS e a do seu cargo, emprego ou função pública.

e) Todos os candidatos no ato da convocação para a admissão devem possuir em sua integralidade a documentação comprobatória dos pré-requisitos exigidos para o cargo.

f) É de total responsabilidade do candidato, o custeio de despesas com deslocamento, acomodação e alimentação, na ocasião de sua participação nas diversas etapas do processo seletivo.

g) Em relação à participação de colaboradores do Sesc/RS, não adotamos a distinção entre processo seletivo externo ou interno, mas simplesmente “processo de seleção”. Portanto, todo colaborador do Sesc/RS poderá participar dos processos seletivos, devendo registrar seu interesse na vaga através da página www.sesc-rs.com.br/trabalheconosco. Para candidatar-se, o colaborador deverá contar com, no mínimo, 1 (um) ano de permanência no cargo ou função atual, a contar do início da divulgação do processo seletivo. O perfil do candidato deverá atender aos requisitos exigidos pelo cargo, observando formação e experiência – conforme Plano de Cargos e Salários.

h) As despesas com locomoção, hospedagem e alimentação, durante o processo seletivo fora da cidade de origem, ficarão a cargo do colaborador interessado em participar da seleção, bem como utilização do banco de horas para tais eventos. Em caso de aprovação de um colaborador em cidade diferente da qual atua, não será disponibilizada ajuda de custo, com mudança, hospedagem e similares, ficando a cargo do colaborador providenciar a logística para tal.

i) O colaborador poderá realizar a indicação de candidatos para as vagas do Sesc/RS, observando o Regulamento do Sesc/RS – Decreto nº61.836/67, que limita contratações de parentesco até terceiro grau civil (afim ou consanguíneo).

Outras Informações

+

Caso o número de candidatos aprovados, em qualquer fase da etapa de seleção, seja inferior ao necessário para dar continuidade ao processo, o Sesc/RS poderá realizar segunda chamada dos candidatos ou mesmo divulgar um novo anúncio, para o recebimento de mais currículos.

Estarão automaticamente desclassificados os candidatos que não comparecerem em qualquer das etapas do processo seletivo, bem como o candidato que, durante a prova, efetuar consulta em livros, aparelhos eletrônicos, calculadoras, apostilas, entre outros recursos, inclusive compartilhar informações com candidatos concorrentes.

Qualquer pedido de esclarecimento relativo aos processos seletivos em andamento poderá ser encaminhado através do canal “Fale Conosco”, localizado na página do Sesc/RS (indicando vaga e cidade da qual participou) ou por correspondência enviada à Av. Alberto Bins, 665/6º andar – Porto Alegre – CEP: 90030-142, em até 5 dias após a publicação dos resultados no site.

É de responsabilidade do candidato o envio de dúvida(s) para os meios corretos, acima divulgados. Após o prazo citado, não caberão manifestações futuras.